Primeiro encontro presencial de estudantes de Administração Pública e Filosofia foi realizado no sábado

imagens estudantes
Foi realizado no último sábado (03/08) o primeiro encontro presencial dos cursos de Graduação de Administração Pública e Filosofia do Centro de Educação a Distância (Cead), no Salão de Convenções da UFLA. Estiveram presentes o pró-reitor Adjunto de Graduação, professor Marco Antônio Villarta Neder; o coordenador do CEAD, professor Ronei Ximenes Martins; o coordenador Institucional da Universidade Aberta do Brasil (UAB), Cléber Carvalho de Castro; os coordenadores dos cursos de Administração Pública e Filosofia, modalidade a distância, professora Heloísa Rosa Carvalho e professor André Constantino Yazbek; e os estudantes.

Os cursos a distância estão se espalhando por todas as regiões. Segundo dados divulgados pela Associação Brasileira de Educação a Distância (Abed) e Pearson Brasil, entre 2010 e 2011 houve um crescimento de 58% do número de matrículas.

De acordo com o prof. Marco Antônio Villarta Neder, a educação a distância é um desafio. “A educação a distância é um desafio com o tempo que vivemos e o acesso à informação”, além de “chegar a lugares físicos onde a universidade não conseguiria chegar”.

No Brasil o número de pessoas com acesso à internet chegou aos 94,2 milhões, aponta o relatório divulgado pelo Ibope Media no dia 14 de dezembro de 2012. Foi levado em consideração usuários maiores de 16 anos com acesso em vários locais (em casa, no trabalho, na faculdade etc) e na faixa etária de 2 a 15 anos que se conectam apenas no domicílio.

Tatiane Aparecida Rodrigues (36), de Boa Esperança – MG, é estudante de Administração Pública e se diz satisfeita com a qualidade do ensino. “A qualidade do curso é boa e consistente. Considero a flexibilidade dos cursos a distância importante por questão de trabalho e por morar em outra cidade”. Fábio Henrique (21), de Cambuí – MG, está cursando Filosofia e compartilha a mesma opinião. “A qualidade do curso a distância é boa. Estou sentindo um pouco de dificuldade, pois o curso é difícil”.

A UFLA oferece os cursos de graduação em Administração Pública, Filosofia, Letras/Inglês, Letras/Português e Pedagogia, além de pós-graduação em Educação Ambiental, Gênero e Diversidade na Escola, e Produção de Material Didático para a Diversidade, ambos a distância.

Texto e foto: Leonardo Assad – jornalista – bolsista/ASCOM/DCH

Esta entrada foi publicada em header. Adicione o link permanente aos seus favoritos.